Infarto, derrame, diabete e insuficiência renal são algumas das consequências da obesidade



A obesidade é um problema que vem aumentando de forma alarmante em nossa sociedade. Muitas são as razões para esse problema, tais como tempo cada vez mais escasso para cozinhar e manter uma alimentação rica e balanceada, excesso da oferta de fast foods, sedentarismo, entre outros. Claro que o fator genético também é relevante, sendo mais um motivo para manter atenção voltada para isso.


Nós já falamos sobre isso, mas sendo um assunto de extrema importância, deve ser debatido com veemência: tratar a obesidade não tem nada a ver com estética. Muitas são as doenças provenientes do excesso de peso, estando relacionado a diversos tipos de câncer, problemas ortopédicos, varizes de membros inferiores, com o desenvolvimento de diabetes do adulto (tipo 2) e com hipertensão arterial ou pressão alta.


O combate à obesidade é fundamental na prevenção da hipertensão e de suas complicações como infarto, derrame, diabete e insuficiência renal. A cirurgia da obesidade, também chamada de bariátrica ou redução de estômago, pode ser uma opção na batalha contra esse mal.


Agende uma consulta com o Dr. Giuliano Cigerza e saiba se o procedimento é indicado para o seu caso.